empresas-de-gas-e-eletricidade-investigadas-por-enganarem-clientes

Notícias

Empresas de gás e eletricidade investigadas por enganarem clientes

1 min. 17.08.2018

Desde janeiro do ano passado, a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) abriu 13 processos de contraordenação a seis empresas por suspeitas de práticas comerciais ilegais.

São casos em que o cliente se apercebe que a empresa fornecedora de gás e de eletricidade mudou sem que tivessem assinado um contrato ou situações em que os consumidores são levados ao engano por agentes comerciais para alterar o contrato.

Dos 13 processos de contraordenação que ERSE abriu, quatro já foram fechados e nove estão em fase de inquérito. O regulador adianta ao Jornal Económico que alguns destes processos foram enviados para o Ministério Público.

Os clientes relatam situações em que os comerciais das empresas não se identificam ou se fazem passam por funcionários da EDP. Há também contratos celebrados sem o conhecimento do consumidor e até casos de suspeitas de falsificação de assinaturas.

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1
Opinião Pública - 250

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.