projeto-artistico-envolve-familias-e-escolas-em-famalicao

Notícias

Projeto artístico envolve famílias e escolas em Famalicão

2 min. 09.10.2018

As crianças do ensino pré-escolar de diversas escolas de Famalicão são chamadas a integrar o projeto “Orizuro”, uma iniciativa de educação através da arte, que decorre até dezembro. Trata-se de uma ação da Casa das Artes de Famalicão em parceria com a Companhia de Música Teatral que se baseia na conceção de pássaros em origami a partir da experimentação de estímulos sonoros e sensoriais.

Nesse sentido, cerca de duas dezenas de agentes locais de educação participaram, a semana passada, numa ação de formação na Casa das Artes, em que fizeram a experiência sensorial que vão passar, agora, às crianças que diariamente educam nas suas instituições.

A sessão foi animada e exigiu a integração dos participantes numa moldura grupal, modelada por duas artistas da Companhia de Música Teatral. Foram cerca de duas horas de intensidade sensorial pouco habitual para a maioria das participantes, mas que, a julgar pelos testemunhos que prestaram no final, conseguiram fazer com que se apaixonassem pela iniciativa que vão agora implementar com as crianças que educam.

Outro dos objetivos de “Orizuro” é envolver os pais das crianças, permitindo-lhes a partilha do projeto em momentos de qualidade. Ouvir os pássaros, pintar, dobrar e construir o seu origami, são algumas das tarefas que os pais são chamados a fazer com os seus filhos, gerando, assim, eles mesmos, uma coprodução que será apoiada pela técnica, mais tarde, no respetivo Jardim de Infância.

O projeto Orizuro deriva do origami “Orizuru” (pássaro) – que na cultura tradicional do Japão é um símbolo de felicidade e paz –  e inspirou este projeto que visa ajudar a olhar e a escutar o mundo de forma poética a partir da primeira infância.

Tudo resultará na criação de uma “instalação” em cada escola. Esta “instalação” é um objeto cénico preparado para ser “ninho” onde serão colocados os pássaros da imaginação de cada criança guiada pelos seus pais e educadores. Cada uma destas “instalações” será, em dezembro, mostrada à comunidade na Casa das Artes.

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1
Opinião Pública - 250

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.