o-frio-chegou-a-europa-com-chuva-e-nevoes-pouco-comuns-para-a-epoca

Notícias

O frio chegou à Europa com chuva e nevões pouco comuns para a época

2 min. 30.10.2018

Um forte nevão atingiu subitamente vários países europeus e em Itália pelo menos dez pessoas já morreram devido à tempestade que deixou o país em alerta vermelho.

Um pouco por toda a Europa, parece que o verão deu lugar ao inverno, com condições climatéricas pouco comuns para esta época do ano.

Em França um nevão cobriu a região do centro e o sul com um manto de até 40 centímetros de neve. Quase 200 mil casas ficaram sem eletricidade e nas estradas está instalado o caos. Mais de 900 camiões ficaram retidos ao longo da noite e centenas de camionistas abandonaram as viaturas para tentar encontrar um lugar quente para passar a noite.

Eslovénia, Áustria e as regiões de Cantábrico e de Navarra, em Espanha, foram também atingidas por fortes nevões.

Também em Portugal já caiu a primeira neve da estação fria, na Serra da Estrela. O distrito da Guarda está sob aviso laranja, o segundo mais grave, por causa da queda de neve.
Nos próximos dias as temperaturas máximas vão variar entre os 6º Celsius (Guarda) e os 17º (Sagres) e as mínimas entre os 3º (Guarda e Bragança) e os 13º (Sagres).

Em Itália, a chuva torrencial e os ventos fortes que estão a atingir o país já causaram 10 mortos em dois dias, a maioria devido à queda de árvores.

Veneza ficou completamente submersa. A água atingiu os 156 centímetros, cobrindo três quartos da cidade pela primeira vez na última década. Há inúmeros danos entre edifícios históricos afetados pelas inundações e árvores caídas.
Tal como Itália, a ilha francesa da Córsega está sob alerta vermelho, o nível máximo de alerta, por causa da depressão Adrian, "uma violenta tempestade de magnitude excecional", segundo os serviços meteorológicos franceses, que trouxe chuva intensa, acompanhada de granizo e ventos com rajadas de até 160 quilómetros por hora.

1 / 0
Opinião Pública - 250
À conversa com... Quim
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.