Vereadores do PS dizem não ter condições para trabalhar

Informação

Vereadores do PS dizem não ter condições para trabalhar

2 min. 31.08.2017

Os vereadores da oposição na Câmara Municipal de Famalicão dizem que não têm condições para trabalhar. Na reunião do executivo municipal realizada na semana passada, os socialistas contestaram “a falta de condições” que dizem existir no gabinete que lhes está destinado, localizado no edifício Vinova.

Ivo Sá Machado, vereador do PS, classificou mesmo aquele espaço como sendo um “calabouço” e lamentou que ao longo do mandato a maioria que governa o Município não tenha criado as condições pedidas pela oposição.

“No início do mandato apresentamos um pedido de pequenas alterações e de condições para trabalhar, concretamente um computador condigno, uma impressora, papel, condições climáticas”, começou por explicar Ivo Sá Machado aos jornalistas, no final da reunião, adiantando que houve uma visita ao local e que “o senhor presidente da Câmara prometeu analisar o pedido e ir de encontro a algumas expetativas”.

Contudo, passados mais de três anos, o socialista diz que “não têm impressora ou papel, o computador é obsoleto e até a limpeza não é feita”. “Estamos no final do mandato, já expusemos a situação várias vezes e nada aconteceu. Nem o aquecimento para o inverno nem a refrigeração para o verão. É um desprezo total”, conclui Ivo Sá Machado.

O presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, ouviu as reclamações e prometeu averiguar a situação. Depois, em declarações aos jornalistas, no final da reunião, o edil, ao contrário do que afirmam os vereadores do PS, disse que estes nunca se queixaram da situação, a não ser agora. “A minha convicção é que, depois da visita ao gabinete, no início do mandato, os pedidos foram satisfeitos, tanto que até hoje não tínhamos recebido qualquer reclamação”, referiu o edil.

De qualquer forma, face às reclamações apresentadas na última reunião do executivo, Paulo Cunha prometia “contatar de imediato dos serviços para averiguar o que se passa”.

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.