premio-de-ensaio-eduardo-prado-coelho-entregue-a-helder-macedo

Notícias

Prémio de Ensaio Eduardo Prado Coelho entregue a Hélder Macedo

2 min. 28.11.2018

Foi com uma verdadeira sessão da Academia de Ciências de Lisboa que o Grande Prémio de Ensaio Eduardo Prado Coelho 2017, da Associação Portuguesa de Escritores e Município de Famalicão, foi ontem entregue ao poeta, romancista e ensaísta Hélder Macedo pela obra "Camões e Outros Contemporâneos" editada pela Editorial Presença.

“Razões de substância” fizeram o Presidente da Câmara, Paulo Cunha, deslocar-se a Lisboa para um cerimónia que normalmente decorre em Famalicão por entre os milhares de livros que compõem a Biblioteca Eduardo Prado Coelho. “A ligação da Academia das Ciências de Lisboa à cultura e ao premiado justificaram a abertura do precedente”. Foi, por isso, entre amigos da Academia e entre amigos de Eduardo Prado Coelho que o prémio foi entregue, numa cerimónia intensa em substância e em sentimentos.

Presidida pelo Vice-Presidente da Classe de Letras da Academia, professor Jorge Gaspar, a cerimónia contou ainda com a presença do presidente da Associação Portuguesa de Escritores, José Manuel Mendes, e da representante do júri, professora Clara Rocha, que elogiou a obra premiada “pela mestria da sua linguagem, precisa, arguta e inventiva, muito fértil como chão de verdadeira tarefa que é a do ensaísmo literário – pensar a literatura dentro da própria literatura".

 Hélder Macedo ficou “muito grato” pelo prémio que, disse, “diz muito mais de quem o atribui do que de quem o recebe”. Neste caso, Hélder Macedo deixou escapar um significado especial pela circunstância de ter sido “amigo” de Eduardo Prado Coelho, que reconhece como “um dos grandes criadores da critica literária.”

 Hélder Macedo, 82 anos, é autor de vários ensaios sobre literatura portuguesa e, paralelamente, assina vários títulos de ficção e de poesia, entre outros, os romances “Pedro e Paula” (1998) e “Tão Longo Amor Tão Curta a Vida” (2013), a coletânea “Poemas Novos e Velhos” (2011) e “Romance” (2015).

O Grande Prémio de Ensaio Eduardo Prado Coelho tem o valor de 7.500 euros.

 

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.