mulheres-que-liam-a-sina-para-roubar-apanhadas-pela-gnr

Notícias

Mulheres que liam a sina para roubar 'apanhadas' pela GNR

1 min. 28.01.2019

O Comando Territorial de Braga da GNR, através do Núcleo de Investigação Criminal de Barcelos, identificou duas mulheres e um homem suspeitos de burla, em Santo Tirso, anunciou hoje a Guarda em nota à imprensa.

A operação decorreu na passada sexta-feira, dia 25. Foram identificados duas mulheres e um homem, com idades compreendidas entre os 46 e os 52 anos, pelo crime de roubo e burla, no concelho de Santo Tirso.

As mulheres suspeitas tinham como modus operandi abordar as vítimas na via pública, no sentido de lhes ler a sina, prometendo curar doenças, problemas físicos ou psicológicos, seus ou de familiares. Em troca, as suspeitas pediam avultadas quantias em dinheiro, que poderiam ser pagas em tranches.

Numa das situações, a vítima, acompanhada pelas duas mulheres suspeitas, na promessa da sua filha ser curada de uma doença grave, foi a casa para fazer um pagamento, tendo sido ameaçada com uma faca e obrigada a entregar cerca de 17 mil euros em dinheiro.

A investigação levada a cabo pela GNR culminou na realização de uma busca domiciliária e outra a um veículo, tendo sido apreendidos, uma caçadeira; 22 munições, vários objetos em ouro e cerca de 1.745 euros em numerário.

As mulheres e o homem foram constituídos arguidos e sujeitos à medida de coação de termo de identidade e residência, sendo ainda suspeitos de terem efetuado vários crimes nos distritos de Braga e Porto.

As buscas contaram com a colaboração da PSP.

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.