professora-que-matou-jovem-famalicense-condenada-a-17-anos-de-prisao

Notícias

Professora que matou jovem famalicense condenada a 17 anos de prisão

1 min. 13.03.2018

Fernanda Baltazar, suspeita de assassinar Hugo Oliveira, em dezembro de 2016, com recurso a medicamentos, gelo seco e fogo, foi condenada ontem a 17 anos de prisão. O julgamento decorreu no Tribunal de Lisboa.

Fernanda Baltazar, de 36 anos, terá ainda que indemnizar a família da vítima, Hugo Oliveira, em 60 mil euros.

A mulher alega ter ajudado o noivo, o jovem famalicense Hugo Oliveira, a morrer com um incêndio que as autoridades acreditam que tenha sido da autoria da professora.

A suspeita fez a confissão ao juiz, mas disse que não teve coragem de prosseguir. Depois do crime, a professora fugiu de táxi para a sua terra natal, Vila Nova de Gaia, onde foi encontrada e detida pela Polícia Judiciária.

A homicida terá sedado o noivo com comprimidos e despejado 35 quilos de gelo seco no quarto antes de atear fogo à cama.

Os advogados das duas partes vão recorrer da decisão.

1 / 0
Opinião Pública - 250
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.