10-grande-premio-de-atletismo-bernardino-machado

Desporto

10º Grande Prémio de Atletismo Bernardino Machado

3 min. 10.06.2019

O 10º Grande Prémio de Atletismo Bernardino Machado decorreu ontem, no Parque da Juventude, em Famalicão. Uma prova que já se pode considerar como uma tradição nas Festas Antoninas e que pretende dinamizar a prática desportiva. O percurso passou pelas ruas mais emblemáticas da cidade. Foram cerca de 700 participantes ao todo, que participaram quer a correr, quer a caminhar. O primeiro atleta masculino a cortar a meta foi José Azevedo. O atleta salienta que “é bom vir à minha cidade natal e ganhar. A organização foi boa, só tenho pena que este ano, ao longo do percurso, tenha menos gente a assistir. Penso que deviam divulgar mais a prova. Cumpri também, a nível profissional um dos objetivos da época e bati o recorde pessoal que era correr abaixo dos 4 minutos. Consegui fazer 3 minutos e 58 segundos, o que me permite subir ao segundo lugar no ranking mundial, para ir aos jogos paralímpicos.”

 Rosa Oliveira, de todas as atletas femininas, fez o melhor tempo e consagrou-se vencedora da prova. “Foi bom ganhar em casa. Já há muitos anos que faço esta prova. Hoje tive um dia feliz e ganhei. Foi um excelente percurso. O tempo esteve bestial. Tivemos muita água durante o percurso e a organização está de parabéns”, referiu Rosa Oliveira.

 

Paulo Cunha, Presidente da Câmara de Famalicão, foi também um dos participantes e salientou a importância do desporto para uma vida saudável. Na opinião do Presidente, esta prova “foi muito animada e é mais uma demonstração de há lugar para a prática desporto em Famalicão. Nesta prova há gente com 18 anos e com 80 anos, o que significa que o desporto não escolhe idades. Em qualquer faixa etária é bom que pratiquemos desporto com aconselhamento médico e com as cautelas devidas. Mas que não tenhamos receio de exercitar o nosso corpo para que possamos ter melhor saúde”.

 Uma prova de referência, na agenda desportiva das Festas Antoninas, organizada pelo Pelouro do desporto. Mário Passos, vereador do desporto, explicou a grande novidade do evento: o pódio móvel, ao qual subiram os grandes vencedores. “Tínhamos sempre alguma dificuldade no transporte dos pódios, no numero de recursos humanos que era necessário para transportar”, acrescentou o Vereador. Aquilo que é fundamental para o kit corre Famalicão. Com a carrinha, temos o pódio e nela própria é incorporada um conjunto de aspetos logísticos como as grades e o som que uma só pessoa pode fazer. É uma questão de eficácia e otimização.”

 

 

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.