especial-futsal-futebol-clube-vermoim

Desporto

ESPECIAL FUTSAL: Futebol Clube Vermoim

3 min. 21.11.2019

Leia na edição desta semana do Opinião Pública um especial dedicado ao futsal famalicense. Clique aqui para ver a edição digital.

Francisco Paiva 1121

Francisco Paiva, treinador do Futebol Clube de Vermoim

“O objetivo passa por atingir a segunda fase”

O Futebol Clube (FC) de Vermoim está a enfrentar dificuldades no início do campeonato, que obrigou a reformular o objetivo. “Tivemos um início de campeonato excelente e agora estamos a passar por algumas dificuldades”, começou por afirmar Francisco Paiva, treinador do FC Vermoim. “Neste momento, o objetivo prioritário é angariar os pontos necessários para chegar à segunda fase”, continuou, afirmando que, para já, não “há mais objetivos traçados”.

A construção do plantel não foi a melhor. “Não foi planeada da forma como gostaríamos. Agora cada vez mais, a vertente financeira tem uma enorme influência na construção do plantel. Não conseguimos o plantel que gostaríamos, mas foi o possível”, confidenciou. Apesar de todas as condicionantes, o líder do clube tem “total confiança no plantel”.

As dificuldades que o clube de Vermoim está a passar estão relacionadas com o aumento do nível competitivo do futsal feminino nacional. “Esse facto está relacionado com o crescimento da modalidade em Portugal e com o poder económico de algumas equipas que estão a apostar forte. Nós partimos de uma situação de desigualdade”, sublinhou.

No entanto, Francisco Paiva compreende a decisão das atletas. “Como é obvio, se eu fosse atleta, também ia querer algumas das condições que oferecem a algumas atletas. Ia optar por um clube que me desse outro tipo de condições”, prosseguiu. O treinador confessou que, este ano, o clube “teve de oferecer alguma coisa mais às atletas para conseguir construir um plantel competitivo”, continuou, reforçando “a importância do poder financeiro de algumas equipas”.

O campeonato está mais competitivo e não é só o FC Vermoim a sentir dificuldades. “Penso que este é o ano em que, como treinador do FC Vermoim, estamos a sentir mais dificuldades para chegar à segunda fase”, confessou. Porém, Francisco Paiva reforçou a confiança no plantel e alargou as dificuldades para outras formações. “Nós estamos assim e outras equipas estão a sentir as mesmas dificuldades para atingir esse objetivo”, rematou, deixando a garantia que a equipa “vai lutar até ao fim para alcançar o principal objetivo”.

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.