primeiro-supercomputador-do-pais-inaugurado-amanha-em-riba-dave

Notícias

Primeiro supercomputador do país inaugurado amanhã em Riba d’Ave

2 min. 04.07.2019

O primeiro supercomputador a operar em Portugal é inaugurado amanhã, sexta-feira, em Riba d’Ave, numa cerimónia que contará com a presença do ministro da Ciência, tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor.

O Minho Advanced Computing Centre (MACC) chega da Universidade do Texas, em Austin, e permitirá fazer mil biliões de operações por segundo.

O novo equipamento, que promete multiplicar por 10 a capacidade computacional ao dispor da comunidade científica nacional, vai ficar alojado na Centro de Dados da REN, em Riba d’Ave, e deverá contar com a participação da NOS na gestão da infraestrutura e comunicações. Os sistemas foram instalados pela Fundação para Ciência e Tecnologia (FCT) e pela Universidade do Minho.

Mas esta não será a única supermáquina prevista para Riba d’Ave. Deucalion, um supercomputador com uma capacidade computacional de 10 PetaFlops (ou 10 mil biliões de operações por segundo) deverá juntar-se ao MACC até ao final e 2020, depois da aprovação dada pela iniciativa EuroHPC, promovida pela Comissão Europeia com vista a promover a instalação de sistemas de supercomputação no espaço comunitário. Os dois supercomputadores deverão estar totalmente operacionais até 2021.

De acordo com informação disponibilizada pelo Ministério de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, a Nos e a REN deverão garantir a manutenção do supercomputador durante seis anos.

A instalação do novo supercomputador deverá abrir caminho a concursos para a captação de projetos relacionados com a Inteligência Artificial, computação avançada e assistentes de voz em português. Estes concursos deverão orçar dois milhões de euros. A estes concursos junta-se um protocolo com REN, Nos e EDP que tem em vista o desenvolvimento de projetos que produzem impacto direto na economia nacional e que permitam tornar mais eficiente o consumo energético do MACC. O supercomputador deverá operar com base energias renováveis. Também se prevê o desenvolvimento de sistemas de armazenamento energético.

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.