projeto-cuidar-maior-ja-orientou-mais-de-30-cuidadores-informais

Notícias

Projeto Cuidar Maior já orientou mais de 30 cuidadores informais

1 min. 10.03.2020

Com apenas um mês de funcionamento, o projeto Cuidar Maior orientou mais de 30 cuidadores informais em Famalicão e proporcionou já o descanso de dois cuidadores.

Está também já constituída a primeira turma que receberá receberá formação sobre “Cuidados Básicos de Saúde à Pessoa Idosa” entre hoje e próximo dia 17.

Os números foram avançados esta segunda-feira ao deputado famalicense à Assembleia da República, Jorge Paulo Oliveira, no decorrer de uma visita que efetuou ao espaço do Cuidar Maior, que está a ser  desenvolvido pelo Centro Social e Paroquial de Requião, pela Didáxis, e pela Junta de Freguesia de Requião

Este projeto que surgiu na sequência da aprovação pelo Parlamento do Estatuto do Cuidador Informal, tem como objetivo ser o pilar de apoio a todos os Cuidadores Informais do Município de Famalicão oferecendo resposta e ajuda às necessidades dos Cuidadores,

O deputado do PSD não deixou de vincar que o seu partido defende a necessidade de valorizar o Estatuto dos Cuidadores Informais, conferindo particular atenção à articulação entre o trabalho e a ocupação de tempos livres”.

Para Jorge Paulo Oliveira “é importante que o cuidador informal saiba que na sua comunidade há quem o queira proteger, há quem lhe queira dar segurança e queira cuidar dele", elogiando por isso o trabalho do espaço Cuidar Maior.

1 / 0
Auchan 250
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.