lider-da-tmg-automotive-pede-novas-medidas-para-empresas-ao-governo

Notícias

Líder da TMG Automotive pede novas medidas para empresas ao Governo

1 min. 31.03.2020

É momento de “conter e enfrentar serenamente as dificuldades”, mas também é preciso também “antever soluções”, explica Isabel Furtado, ao Jornal Dinheiro Vivo. 

A presidente da agência de inovação COTEC Portugal, vice-presidente da ATP – Associação Têxtil e Vestuário de Portugal e administradora da TMG Automotive, empresa famalicense, prevê que o Covid-19 vá despoletar “uma paragem industrial extensa” e que “a recuperação será tão rápida quanto a nossa capacidade de sobreviver neste período e as medidas que forem tomadas hoje. As medidas que se venham a implementar terão necessariamente de assegurar o futuro de forma estratégica e não de atender ao imediato de forma impulsiva”. 

Neste sentido, na mesma entrevista, a responsável solicita novas medidas dirigidas ao tecido empresarial e salienta que “a situação das empresas neste momento é muito preocupante porque a capacidade de manter os seus trabalhadores sem escoar produtos já fabricados, sem encomendas, sem vendas de serviços, não é de todo sustentável”. 

Para salvaguardar a sobrevivência das empresas, Isabel Furtado sugere que a solução passa por “desburocratizar radicalmente a concessão, quer ao nível de linhas de crédito quer de fundos estruturais, nomeadamente alterando a regra de executar a despesa primeiro e receber do Estado depois. Esta abordagem já é seguida nos programas geridos a nível central pela Europa e deve ser, por maioria de razão, adotada pelo Estado nestas circunstâncias”. 

1 / 0
Auchan 250
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.