com-as-salas-de-cinemas-fechadas-o-drive-in-pode-voltar-a-brilhar

Notícias

Com as salas de cinemas fechadas, o drive-in pode voltar a brilhar

2 min. 06.05.2020

O distanciamento social essencial para travar a pandemia de Covid-19 levou a que muitos negócios fechassem portas. No entanto, esta é também uma lufada de ar fresco para muitos outros. 

Com as salas de cinema fechadas, o cinema Drive-in pode agora voltar a brilhar. 

O modelo, bastante simples, já remonta aos anos 40, mas não podia ser mais útil nos dias de hoje. O carro chega ao parque de estacionamento e o condutor compra o bilhete pela janela, no caso de esta ser uma sessão paga. De seguida, sintoniza o rádio na frequência certa, onde será emitido o áudio do filme em questão e o espetáculo tem início. O drive-in permite que cada família fica no seu carro, com afastamento social garantido das restantes pessoas, e com oportunidade de assistir a conteúdos cinematográficos.  

Assim, com todas as vantagens reunidas, é expectável que as famílias passem a apostar neste modelo e que, consequentemente, este seja visto como uma alternativa eficaz para acelerar o retorno das exibições públicas cinematográficas, que se encontram, para já, suspensas. 

Quanto às salas de cinema, prevê-se que voltem a abrir ao público no próximo dia 1 de junho, mas não há previsão de uma grande adesão por parte dos portugueses, apesar de estarem previstas medidas de proteção, tais como o uso de máscaras e a redução da lotação por sala. 

Numa altura em que a população procura um escape para sair de casa e realizar atividades em segurança, houve municípios portugueses que já decidiram apostar neste tipo de entretenimento, tal como o de Leiria, que já divulgou um total de seis sessões cujos filmes, em carteira, ainda não são conhecidos. 

 

1 / 0
Auchan 250
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.