epoca-balnear-drones-apps-e-segurancas-sao-algumas-ideias

Notícias

Época Balnear: Drones, apps e seguranças são algumas ideias

2 min. 09.05.2020

É só para a semana que o Governo deverá dizer como vamos poder fazer praia neste ano de pandemia Covid-19. Mas há mais gente a pensar nisso e a imprensa desta manhã lança algumas hipóteses.

“Não há nenhuma medida decidida”, afirmou o ministro do Ambiente na quarta-feira, dia 6 de maio. Há três dias, João Matos Fernandes garantia que o manual de acesso às praias deveria estar concluído “até á próxima semana” – ou seja, a semana que entra depois de amanhã.

O ministro afirmou também que o documento deverá levar em consideração os contributos das entidades que participam na comissão técnica de acompanhamento das águas balneares.

Portugal é um país cheio de praias: 481 costeiras e 133 fluviais. A praia é, pois, um tema sensível aos portugueses, que não se veem a passar um verão sem o pé na água, seja ela salgada ou doce. Por isso, há quem tentado saber o que poderá vir aí.

Nesta manhã de sábado, o semanário Expresso avança que o plano inclui “cercas, drones e apps para controlar a lotação” no areal.

O jornal Público fala, por seu lado, na contratação de segurança privada para vigiar o cumprimento das regras nas praias algarvias – as mais concorridas na época balnear. Resta saber se neste ano também vai ser assim, tendo em conta que as deslocações são ainda alvo de restrições e ainda não são conhecidas as regras para a hotelaria.

A época balnear começa em 1 de junho, ou seja, daqui a cerca de três semanas.

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1
Auchan 250

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.