governo-admite-prolongar-lay-off-simplificado-mas-com-mudancas

Notícias

Governo admite prolongar "lay-off" simplificado, mas com mudanças

1 min. 23.05.2020

O Governo está a ponderar prolongar o regime de "lay-off" simplificado, mas numa versão adaptada ao novo momento que o país e as empresas atravessam.

O anúncio foi feito pela ministra do Trabalho Ana Mendes Godinho, durante uma conferência online promovida pela Ordem dos Contabilistas Certificados.

"Teremos aqui um momento de transição em que é preciso adaptarmos, e é nesse sentido que estamos a trabalhar, aquela que foi a medida do 'lay-off' simplificado a uma medida pós 'lay-off' simplificado", disse a governante.

A ideia, acrescentou, vai no sentido de adaptar a medida a "uma reabertura da atividade".

"Neste momento já não temos as empresas completamente paradas em que estivemos a criar um mecanismo para pagar a suspensão do trabalho e dos trabalhadores, porque não havia atividade. A medida era no sentido de apoiar 100% uma situação de suspensão e agora pensarmos como se passa para uma lógica de reabertura, reconhecendo que a atividade ainda não está normalizada", explicou ainda.

O diploma do lay-off simplificado está em vigor até dia 30 e as associações patronais pedem o alargamento por pelo menos mais três meses.

Já na quarta-feira, durante o debate quinzenal no Parlamento, o primeiro-ministro admitiu a hipótese de vir a prolongar o apoio às empresas, mas sem precisar de que forma esse apoio será prestado.

Foto: Radio Renascença

1 / 0
Auchan 250
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.