veterinarios-municipais-defendem-regresso-do-abate-de-animais

Notícias

Veterinários municipais defendem regresso do abate de animais

1 min. 23.07.2020

A Associação Nacional de Médicos Veterinários dos Municípios (Anvetem) defende a eutanásia de animais em centros de recolha oficiais (CROA) quando não são adotados ao fim de 12 ou 18 meses, avança o JN na edição desta quinta-feira.

A decisão deve caber aos médicos veterinários municipais, sublinha a Associação, e pode ser a solução para combater a sobrelotação de canis e abrigos legais que leva ao consequente aumento do número de animais em abrigos ilegais, sem condições de alojamento e dignidade.

“O país não está preparado para acolher tantos animais errantes”, adianta Ricardo Lobo, da direção da Anvetem, que defende modelos como o da Holanda.

“Deixar um cão numa box a vida inteira é cruel e os CROA não têm capacidade para acolher os animais que existem nas ruas. Na Holanda, considerado um exemplo de boas práticas, os cães são abatidos quando estão no centro há mais de 12 meses, ou seja, quando não há possibilidade de adoção”, diz o responsável ao mesmo jornal.

1 / 0
Pub - Ulahlah - 250-1
Auchan 250

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.