emigrantes-pressionados-pelos-patroes-a-nao-passar-ferias-em-portugal

Notícias

Emigrantes pressionados pelos patrões a não passar férias em Portugal

2 min. 31.07.2020

Apesar de trabalharem em países sem restrições de viagem para Portugal, muitos emigrantes portugueses foram demovidos de passar férias nos locais de origem por pressões dos seus patrões. Não pagamento de salários e despedimento estão entre as ameaças.

De acordo com o Jornal de Notícias, membros das comunidades a viver na Suíça e na Alemanha foram alvo de pressões para não viajar para Portugal neste verão.

Ao jornal, os entrevistados disseram que foram “aconselhados” a não passar férias no seu país de origem, pois poderiam não ser pagos ou perder o emprego devido à necessidade de cumprir quarentena.

As pressões, refere o jornal, não se justificam já que nos dois países supracitados, tal como a grande maioria onde existem comunidades portuguesas, não há restrições de viagem terrestre ou aérea em vigor. No entanto, a secretária de Estado das Comunidades Portuguesas confirmou que as ameaças funcionaram para demover os emigrantes.

"Os líderes das comunidades com quem temos conversado, disseram-nos que alguns patrões que dizem: 'Se fores a Portugal e se tiveres de fazer quarentena, não te pago a quarentena e podes ter problemas no trabalho'". Isso retrai as pessoas, sobretudo quando os empregos são um pouco precários", disse Berta Nunes.

Contudo, a secretária de Estado lembra que em países em que as comunidades de portugueses são numerosas, como Alemanha, Suíça, França, Espanha ou Luxemburgo, "não há nenhuma restrição a vir para Portugal nem a ir".

"Nessas grandes comunidades, com exceção com o Reino Unido com quem temos um problema particular, todos os nossos emigrantes podem ir e vir. A expectativa é que não haja nenhum problema nem à vinda nem à volta", sublinhou.

Ontem, o Governo anunciou uma estimativa de que 60% dos emigrantes viriam passar férias a Portugal, com base nas perceções dos líderes das comunidades portuguesas no estrangeiro.

1 / 0
Auchan 250
Pub - Ulahlah - 250-1

Diário

opiniao-publica

Tudo sobre Famalicão no seu e-mail

Subscreva a nossa newsletter
e acompanhe a atualidade famalicense.